sábado, novembro 19, 2005

COLUNA DO MAINARDI- REVISTA VEJA DESTA SEMANA:

ESSA SEMANA O MAINARDI SE SUPEROU ESTÁ DEMAIS, AFIRMO QUE CONCORDO OM TUDO O QUE ELE ESCREVEU, JURO QUE SIM!

Diogo Mainardi
No telefone com Dirceu

"José Dirceu fez bem em usar Marcos Valério
para comprar apenas os parlamentares
governistas. Porque os oposicionistas
já estavam comprados"

José Dirceu fez bem em usar Marcos Valério para comprar apenas os parlamentares governistas. Porque os oposicionistas já estavam comprados. Telefonei a Dirceu.

EU: O senhor acompanhou o papelão da oposição no debate com Antonio Palocci?
DIRCEU: A oposição errou grosseiramente. Para a opinião pública, vai parecer que os senadores oposicionistas não querem apurar as denúncias, só querem fazer discurso eleitoral para desgastar o governo.

EU: O senhor participou da montagem do acordão?
DIRCEU: Não, não participei. Até porque não dá para confiar. Se olharmos os acordos que foram feitos nos últimos cinco meses, a verdade é que a oposição não cumpriu nenhum: o irmão do Lula, o filho do Lula, Palocci, Gilberto Carvalho, Luiz Gushiken, os fundos de pensão, os tesoureiros estaduais do PT, a secretária do PT. Alguém está fazendo acordo para se proteger, mas não é o governo, nem o PT, porque a oposição investiga o que quer, e a CPI dos Bingos faz o que quer.

EU: Os senadores oposicionistas alegaram não ter tido tempo para se preparar. O que eles fizeram até agora?
DIRCEU: Foi ridículo. Mesmo com todas as CPIs funcionando, a oposição não tem o que perguntar ao ministro?

EU: Palocci é responsável pela maior carga tributária da história, e pela terceira menor taxa de crescimento do PIB dos últimos 100 anos, na comparação com o resto do mundo. Por melhor que tenha sido o acordão, não foi um exagero da oposição elogiar Palocci por dez horas seguidas?
DIRCEU: A oposição está sem estratégia. Apostou no impeachment, mas depois perdeu o timing. Acabou predominando a linha do Jorge Bornhausen: uma retórica radical, mas que não leva em conta a reação da opinião pública. A gente se pergunta se eles querem mesmo investigar e apurar, ou se estão apenas acumulando forças para disputar a eleição.

EU: Palocci disse que Rogério Buratti o acusou de receber propina porque foi seviciado pela polícia de São Paulo. Não é espantoso que nenhum senador tenha perguntado a Palocci se, em sua opinião, Buratti foi seviciado também no Congresso Nacional, considerando que ele repetiu as mesmas acusações na CPI?
DIRCEU: A oposição está perdida.

EU: Dá para confiar numa oposição como a do PSDB, que acaba de nomear para presidente o senador Tasso Jereissati, irmão de um dos maiores financiadores da campanha de Lula?
DIRCEU: (risos) O PSDB e o PFL perderam completamente o foco em relação à investigação. O negócio deles não é apurar a corrupção, não é punir o caixa dois, é apenas impedir o governo de governar.

EU: O fato é que todos os partidos tomaram dinheiro das mesmas fontes. Por isso a oposição não pega o PT, e o PT não pega o governo anterior.
DIRCEU: Eu não fiz acordo com ninguém. Eu teria feito uma representação contra o Eduardo Azeredo.

EU: O senhor sugeriu a Daniel Dantas que ele contratasse seu amigo Kakai, pois só assim a Brasil Telecom conseguiria a liberação de um empréstimo de 1 bilhão de reais do BNDES?
DIRCEU: Kakai nunca precisou de mim para advogar. Ele é um dos maiores advogados do país.

EU: Espero que o senhor volte para a oposição quanto antes.







P.S: ESSA É A ÚNICA REPORTAGEM QUE VALE PENA LER NA REVISTA VEJA DESTA SEMANA, É SÉRIO ACREDITEM EM MIM!

1 Comments:

Anonymous Saramar said...

Bloody, boa noite.
Infelizmente não posso ajudá-la. Eu também estou totalmente desiludida e preocupada. Não há ninguém em quem se possa depositar esperanças. A cada dia, surgem denúncias novas sobre pessoas que poderíamos enxergar como honestas.
O Brasil se assemelha ao Haiti, quando se trata da cúpula política, você percebeu?
O que faremos?

8:19 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home